quinta-feira, 21 de julho de 2016

Protectina

Quando você estiver ficando desesperado (a) e começar a andar para os lados, sentir o coração palpitar e o rosto corar, pare. Quando a respiração ficar irregular e os olhos não distinguirem meio metro a sua frente, pare. E ainda quando seu corpo explodir em lágrimas e suor, pare.
Pare o coração, a respiração, os olhos e as lágrimas.
O medo nos deixa cegos.
E o medo não está preocupado com o seu problema, não está preocupado com a solução do que te causou o desespero. Por isso, pare. Eu precisei parar para descobrir que me desesperar não vai resolver o meu problema. Eu preciso levantar, fazer meus trabalhos, minhas matérias, ir nos meus médicos e me desligar de problemas pequenos,
Tudo está parecendo um livro de auto-ajuda. Que se foda. Tudo é muito complicado, o que parece ou deixa de parecer não deve ser assim tão importante.

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Just the way you are

As vezes me pego pensando se consigo pôr para fora, em palavras, tudo que sinto. Já descobri que não sou muito boa falando, mas há outros recursos... Eu posso falar com o corpo, com os dedos. Você consegue sentir todo o meu carinho? Consegue sentir esse amor puro? Estou desejando ouvir sua risada sincera e despretensiosa de novo. Estou querendo você na minha frente agora para te fazer um carinho e ler seus olhos.


domingo, 10 de julho de 2016

Só acato ordens, senhor

Quando o coração manda você relê um texto, uma duas vezes. De trás pra frente, de frente pra trás, do meio pro final.
Quando o coração manda você dança na cozinha e aproveita que seus pais saíram de casa pra ficar de calcinha porque assim você se move, trabalha e se aceita melhor.
Quando seu coração manda, você escuta uma música que não sabe o nome, mas cantarola todos os "tanãnãs" até encontrar uma palavra que seja para que o Google faça seu trabalho.
Quando seu coração manda, você fala e faz o que tem que ser feito. Tremendo, suando, gaguejando, mas você faz.
O que o seu manda. Preocupe-se mais com isso.

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Overdose

Era pra ser uma pausa no trabalho da faculdade. Eu estava cansada, enjoada, já não tinha certeza se o que estava fazendo era bom ou se fazia algum sentido, então eu pensei: nada melhor que uma música pra dar uma acalmada, não é mesmo?
Pois bem.

https://www.youtube.com/watch?v=okawX34uhq4

Quando o vídeo acabou eu estava tonta.
Wasted Time - Skid Row