sábado, 28 de novembro de 2015

Queridos filhotes,

Eu estava falando de vocês com a tia Tai há algumas horas. Na conversa eu dizia que já tinha sonhado com vocês, ou pelo menos acho que as crianças que vi nos meus sonhos são vocês. Bem, não importa.
Discutimos seus nomes, suas possíveis personalidades. Foi muito legal! A tia já ama muito vocês e deve providenciar um mínimo de quatro primos para que vocês possam ter muita companhia pra brincar e dividir os times com mais crianças.
Você vão se dar bem, aposto. Mas já vou avisando que eles vão ter mais anticorpos que vocês, então, pelo amor de Deus, não entrem em todas as poças de lama, nem brinquem em TODA terra que eles oferecerem. Eles já estarão acostumados. E eles serão mais velhos porque a Tia Tai é mais velha que eu e está namorando/noiva nesse momento.
Imagino que a tia Tai vai esperar sair da barriga da tia Vanessa e esfregar os primos IMEDIATAMENTE numa bacia com terra (da melhor qualidade) para garantir proteção (e eu sinto muito, mas eu não terei esse tipo de recurso pra vocês).
Antes que eu pareça uma desnaturada com essa coisa da terra, vou avisando que eu leio bastante e pretendo deixá-los sujos por pelo menos uma hora. Calma, ta? Tem um motivo.
A camada de substancias que saíram de mim com vocês é benéfica pra seu sistema imunológico.
Ih. Ta ficando nojento, né? Desculpe. Não era a intenção.
Eu só queria que soubessem que hoje, 28 de novembro de 2015, pensei em vocês como em tantos outros dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário